Novo saque FGTS de R$ 500 a R$ 1 mil: saiba quem poderá ter direito

0 26

O novo saque do FGTS proposto pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, ainda não foi liberado. Mas, caso se torne realidade, deve beneficiar 40 milhões de trabalhadores com valores de R$ 500 a R$ 1 mil. Para que a ideia seja colocada em prática, o governo federal deve editar uma medida provisória (MP).

Segundo Guedes, “há várias iniciativas que podemos ter até o fim do ano que devem ajudar a economia a crescer. São fundos privados, são pessoas que têm recursos lá e estão passando dificuldades”. Ele acredita que a liberação do dinheiro poderia ajudar muitas brasileiros.

BANNERCAMAROTE

Como vai funcionar o novo saque do FGTS

A ideia é que os repasses dos valores sejam realizados pela Caixa Econômica Federal. Como a medida ainda não foi anunciada oficialmente, ainda não há um cronograma definido para as retiradas. As datas do saque do FGTS devem ser disponibilizadas pelo banco após publicação de MP.

Provavelmente, o calendário deve escalonar os trabalhadores de acordo com o seu mês de aniversário. Além disso, a quantia resgatada vai variar de acordo com o saldo que o trabalhador possui na conta do Fundo. É provável que os valores precisem ser solicitados via aplicativo do órgão.

Ou seja, para fazer o saque será necessário consultar a disponibilidade pelo aplicativo do FGTS (Android e iOS) e realizar o pedido. É necessário que o trabalhador tenha uma conta na plataforma, por isso, que ainda não está registrado deve criar um cadastro de forma gratuita.