Pedófilo tinha centenas de vídeos de sexo explícito com crianças menores de 7 anos

0 305

Centenas de vídeos de sexo explícito envolvendo crianças menores de 7 anos e adolescentes foram encontrados no celular do pedófilo, que foi preso nessa terça-feira (23), pela Polícia Federal em Barra do Garças (515 km de Cuiabá). Em razão disso, a Justiça converteu a prisão dele, de em flagrante, para preventiva. O objetivo é impedir que ele possa interferir no andamento da investigação.

Em depoimento, o criminoso alegou que não produz o conteúdo, apenas recebe os vídeos e os compartilha pelo aplicativo de troca de mensagens Telegram. Ele também afirma que as crianças vítimas de abuso, nos vídeos em questão, não são brasileiras, mas isso ainda será checado pelas autoridades. O pedófilo disse quse o material seria para “consumo próprio”.

BANNERCAMAROTE

Como mostrou o SITE, a Polícia Federal precisou invadir a casa do pedófilo para dar cumprimento ao mandado de busca e apreensão. A investigação do caso começou em São Paulo, depois que foi constatado que uma conexão de internet de Barra do Garças era a responsável por um grande volume de conteúdo pornográfico envolvendo crianças.

Com os equipamentos apreendidos e, uma vez que tenham acesso às contas do pedófilo em redes sociais e contas de armazenamento digital, os investigadores serão capazes de identificar outros participantes dessa rede de pedofilia digital.

O criminoso foi encaminhado para um presídio da região e permanecerá à disposição da Justiça Federal. O caso segue sendo investigado pela PF.