ESPONTÂNEA: Policial civil se apresenta para delegado no Departamento de Flagrantes

Vídeos divulgados na redes sociais mostram a discussão e os xingamentos do motorista de aplicativo contra o policial civil que a todo momento se mantém dentro do carro

Um policial civil de 34 anos se apresentou no Departamento de Flagrantes e confessou que atirou em um motorista de aplicativo de 39 anos após ser insultado e desafiado na tarde deste sábado (10) na Rua Aristides Haefener, bairro Três Marias, na zona Leste de Porto Velho (RO).

O policial civil foi ouvido pelo delegado de plantão, Marcos Correia, e depois liberado por ter se apresentado de forma espontânea.

 

Não há condutor, testemunha, tampouco voz de prisão em flagrante. A suposta arma de fogo não foi apresentada. É cediço que a apresentação espontânea ilide a lavratura do auto de prisão em flagrante. Não informações de que tenha havido perseguição do suspeito. Assim, conclui-se neste momento de cognição primária, inexistem elementos suficientes de convicção que autorizem pela representação da prisão preventiva dele“, relatou o delegado Marcos Correia em seu despacho.

Vídeos divulgados na redes sociais mostram a discussão e os xingamentos do motorista de aplicativo contra o policial civil que a todo momento se mantém dentro do carro.

Após continuar sendo insultado o policial pega a arma no banco e de dentro do carro atira contra o motorista de aplicativo que foi alvejado na perna e nádegas

Fonte: Rondoniaovivo