Estudante é acusado por importunação sexual após gravar alunas no banheiro

O estudante Gabriel Valareto Vicente Silva, de 20 anos, foi indiciado por importunação sexual após ser preso em flagrante filmando partes íntimas de alunas por debaixo da porta de um banheiro da Universidade Anhembi Morumbi, na Mooca, Zona Leste de São Paulo.

O caso ocorreu na noite desta quinta-feira (15). A aluna que flagrou a gravação saiu gritando do banheiro, e um bombeiro interveio até a chegada da polícia.

O celular dele foi apreendido. Segundo testemunhas, foram encontrados no aparelho mais de dez vídeos de partes íntimas de mulheres registrados dentro do banheiro da faculdade.

Procurada, a advogada de Gabriel, Camila Casco Barbosa, afirmou que os fatos serão esclarecidos no decorrer do processo. 

À polícia, o estudante admitiu que tentou fazer imagens de quem estava na cabine ao lado da que ele usava no banheiro, mas disse que não sabia que era uma mulher.