Acusado de estupro é executado a tiros por dupla de encapuzados

Sidney dos Santos Silva, 41 anos, foi executado com três tiros, no loteamento Vila Nova I, em Lucas do Rio Verde (354 km de Cuiabá), na segunda-feira (06). Ele é acusado de cometer um estupro.

Conforme a polícia, uma equipe foi acionada após a vítima ser executada dentro da casa onde morava “de favor”, até que encontrasse um lugar definitivo para ficar.

Testemunhas disseram que, por volta das 20h, dois homens encapuzados invadiram a casa onde Sidney estava e trancaram os demais moradores em outros cômodos.

Na sala, começaram a questionar Sidney sobre um suposto estupro que ele teria cometido. Os criminosos teriam ficado no local por mais de duas horas confrontando o homem sobre o crime. Então, Sidney foi baleado três vezes, sendo um tiros na nuca. Após o crime, a dupla fugiu.

Clique aqui e entre em nosso grupo do whatsapp

A morte foi constatada ainda no local. 

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada para a realização dos procedimentos necessários.

O caso é investigado pela Polícia Civil.