Câmara de Vereadores vota hoje (03) pedido de cassação de Isaú Fonseca

O conflito político em Ji-Paraná continua tenso e para esquentar ainda mais os ânimos, a Câmara de Vereadores marcou para esta quarta-feira (03), a votação do pedido de cassação do mandato de Isaú Fonseca, prefeito que já foi afastado do cargo e voltou mediante uma liminar judicial. A sessão está marcada para as 19 horas e durante todo o dia as articulações e conta de votos vai ocupar a rotina política da cidade.

Isaú Fonseca já teve maioria com folga na Câmara, mas devido ao seu afastamento e do vereador Welinton Fonseca, presidente da Câmara Municipal e filho, as cotas entre situação e oposição vem alterando à medida que novos fatos surgem no emaranhado político.

Durante a sessão hoje, será feita a leitura do relatório da comissão processante composta pelos vereadores Westerley Cardoso e Wanderson Araújo. A sessão tramitará internamente e será transmitida ao vivo pelo Instagram. Vários crimes apontados pelo TCU, e casos de nepotismo, serão as pautas principais do julgamento entre os 17 parlamentares.

Clique aqui e entre em nosso grupo do whatsapp

O afastamento de Isau Fonseca ocorreu em 26 de março, durante a operação “ARCANA REVELADA”, que visava desarticular uma organização criminosa envolvida em corrupção ativa e passiva, extorsão, tráfico de influência e lavagem de dinheiro nos poderes Executivo e Legislativo de Ji-Paraná/RO. Segundo as investigações, os crimes foram cometidos a partir da aprovação de uma lei municipal para beneficiar servidores, envolvendo o pagamento de vantagens indevidas a agentes públicos.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cristiano Zanin, emitiu uma decisão 12 de abril passado, determinando o retorno de Isau Fonseca ao cargo de prefeito de Ji-Paraná. A medida revogou as cautelares que haviam sido impostas, incluindo o afastamento do cargo, a proibição de comunicação com outros investigados e a restrição de sair do Estado.

Fonte: Rondônia ao vivo