Operação da PF combate rede de aliciamento de pessoas para fins de exploração sexual

Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (2), a Operação Tauéma para combater rede de aliciamento de pessoas para fins de exploração sexual. As investigações tiveram início após o Ministério dos Povos Indígenas encaminhar à PF informações sobre a atuação do que seria uma rede de aliciamento de pessoas.

Apurou-se que os investigados agenciavam, recrutavam e alojavam pessoas, em sua maioria mulheres transexuais, mediante fraudes e ameaças com o fim de as explorar sexualmente.

Clique aqui e entre em nosso grupo do whatsapp

Os mandados foram cumpridos em sua totalidade. Até o momento, foram resgatadas 22 vítimas, e uma pessoa foi presa e ficará à disposição da Justiça.